Ação Contra Ronaldinho

A Justiça brasileira marcou audiência de Ronaldinho Gaúcho para o dia 22 de maio no processo do caso de suposta pirâmide 18k Ronaldinho, empresa que oferecia rendimentos de 2% ao dia sobre o capital investido.

Trata-se de uma ação coletiva de 300 milhões que envolve a suposta participação em pirâmide financeira.

O processo coletivo com 150 pessoas que afirmam ser vítimas foi movido pelo Instituto Brasileiro de Defesa das Relações de Consumo.

Ronaldinho Gaúcho, de ex-jogador de futebol a suposto piramideiro, passa por uma fase de exposição nada boa, de forma consciente ou não, sua fama e seu status foram utilizados para dar credibilidade na 18k Ronaldinho.

Cheio de problemas no Brasil, foi dar uma volta e foi preso no Paraguay por portar documentos falsos, em data atual, continua preso por lá mesmo depois da terceira tentativa dos advogados de pelo menos obter prisão domiciliar.

Nova decisão sobre a prisão e os pedidos feitos a justiça do Paraguay deve ser proferida depois da perícia dos celulares de Ronaldinho e seu irmão que foi preso junto, a perícia está marcada para a semana que vem.

A imprensa brasileira aborda o assunto como se fosse apenas falsificação de documentos, mas a verdade é que tem muita gente graúda envolvida em pirâmide financeira, desde artistas globais a políticos influentes, daí o interesse em não relatar toda a verdade e todos os envolvidos.

Seria interessante quem abordar esse assunto falar das pirâmides financeiras onde as supostas celebridades emprestam seus nomes dando credibilidade aos negócios, e logo em seguida, se descobre que são golpes bilionários, e não há nenhuma penalidade para esses que tal empresa é boa mas na verdade é um lixo.

Porque ninguém fala da unick, moguro club, ópus, midas trend, e outras que estão surgindo por aí?

Lógico que se falarem terão que falar nomes e isto vai expor o quanto de gente desonesta está envolvida nesses negócios de alto risco financeiro, mas que para as vítimas é informado que é seguro e garantido.

Volta a escrever sobre esse assunto.